Sobre a Fisioterapia Pélvica

Fisioterapia Pélvica

É a área da Fisioterapia que abrange o estudo, a prevenção e o tratamento dos distúrbios da pelve humana, atuando principalmente na prevenção e/ou reabilitação dos sintomas urinários, fecais e sexuais, através de técnicas específicas para a musculatura pélvica; destinada a homens e mulheres de todas as idades.

Era conhecida inicialmente como fisioterapia uroginecológica, porém seguindo-se a tendência mundial, este termo foi abandonado por não definir todas as disfunções, não incluir o sexo masculino, nem as disfunções infantis de um modo geral.

É apontada como procedimento de primeira escolha no tratamento destas disfunções, visto que vários estudos têm mostrado sua eficácia, postergando e até evitando a intervenção cirúrgica.

É um conjunto de músculos presente na cavidade pélvica (localizados entre a região das genitais e do ânus), sujeito ao enfraquecimento.

Diversos são os fatores que afetam essa região, como idade, número de  estações e partos, obesidade, estado hormonal, estilo de vida, cirurgias, atividade física de alto impacto, dentre outros.

Esses músculos têm um controle voluntário, sendo possível fortalecê-los e/ou relaxá-los com técnicas e exercícios específicos.

  • Sustentação dos órgãos pélvicos (útero, bexiga, intestino e reto);
  • Função sexual (proporciona prazer);
  • Função esfincteriana (evita perdas de urina, fezes e gases);
  • Sustentação do bebê durante a gravidez;
  • Permite a passagem do bebê no momento do parto.
  • Incontinência Urinária: Qualquer queixa de perda involuntária de urina aos esforços, por urgência e após cirurgia de prostatectomia.
  • Hiperatividade vesical ou Urgência miccional: Vontade súbita de urinar, difícil de ser adiada. Idas constantes ao banheiro.
  • Incontinência Anal / Fecal: Queixa de perda de gases, fezes líquidas ou sólidas pelo ânus, que pode ser em grandes ou pequenas quantidades, podendo ser até mesmo um borramento na calcinha ou na cueca.
  • Constipação Intestinal: Conhecida como “prisão de ventre”.
  • Disfunções Sexuais Femininas: Dor durante o ato sexual, e sintomas relacionados à fraqueza muscular, tais como: diminuição do desejo sexual, ausência de orgasmo, sensação de folga vaginal (com liberação de flatus ou gases pela vagina).
  • Distopias de órgãos pélvicos: Descida dos órgãos pélvicos (útero, bexiga, reto e intestino). “Sensação de peso vaginal”, “bola na vagina”.
  • Obstetrícia: Preparação da mulher para as alterações decorrentes da gestação e parto, além de desenvolver um plano terapêutico que favoreça a rápida recuperação da musculatura perineal no puerpério imediato e tardio.

Recursos:

Além da bagagem acadêmica e grande experiência de nossa equipe, a clínica FIPES possui todos os equipamentos necessários para um bom atendimento e tratamento eficaz, proporcionando uma melhoria na qualidade de vida dos pacientes.

Alguns recursos utilizados na FIPES:

  • Biofeedback Eletromiográfico
  • Cinesioterapia
  • Eletroterapia
  • Terapia Manual
  • Cones Vaginais
  • Bolinhas de Ben-Wa
  • Dilatadores vaginais
  • Terapia Comportamental
  • Outros
  • Suas roupas íntimas ficam molhadas;
  • Há aumento das idas ao banheiro;
  • Você perde urina ao sorrir, pular, tossir, espirrar, andar, carregar peso;
  • Você perde urina, gases ou fezes durante o dia ou à noite (dormindo) sem perceber;
  • Suas peças íntimas ficam sujas de fezes;
  • Há diminuição do interesse sexual;
  • Você tem a sensação de folga ou frouxidão vaginal.

Oferecemos outras especialidades

DEMAIS ESPECIALIDADES

NUTRIÇÃO

PSICOLOGIA

UROLOGIA

NUTRIÇÃO

A nutrição prioriza a individualidade específica de cada organismo, tendo como principal objetivo promover a saúde do indivíduo…

PSICOLOGIA

A Psicologia é uma ciência que visa o bem estar do indivíduo. Trata de questões relativas a comportamentos disfuncionais, dificuldades…

UROLOGIA

Urologia é uma especialidade da medicina que cuida do trato urinário de homens e mulheres e do sistema reprodutor dos homens…

FAÇA SEU AGENDAMENTO AGORA